Pesquisar este blog

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Vestidos de noiva - coleções 2012

O vestido de noiva é a principal preocupação das moças casadoiras, são tantos modelos, tecidos, lojas e grifes que confundem a cabeça de quem está escolhendo (e tem tantas outras coisas para resolver)! Preparei galerias com imagens das novas coleções das principais grifes para mostrar as tendências para este ano que vai começar. Se você ainda não escolheu seu vestido vale à pena conferir!

 Clique no nome das grifes para visualizar as galerias

Pronovias
Cymbeline
Rosa Clará
Marchesa

Para visualizar as coleções completas você pode acessar os sites:

•www.cymbeline.com

•www.pronovias.us

•www.rosaclara.es

•www.marchesa.com










quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Sapatilhas são as novas queridinhas das noivas

Todas nós estamos acostumadas a ir às festas como de casamento e formaturas com vestidos lindos, maquiagem, penteado e saltos altíssimos! E no auge do evento sempre recebemos um par de chinelinhos, personalizados ou não, para aliviar o cansaço e a dor que os sapatos de salto causam. Até não há novidade nenhuma, mas de uns tempos pra cá começaram a surgir no lugar das Havaianas e similares, sapatilhas fofas!

Além de não descaracterizarem totalmente o look das convidadas, elas servem de lembrança e são muito charmosas! As sapatilhas são feitas de um material maleável e que não amassa, por isso são confortáveis e ótimas para dançar, pois ao contrário dos chinelos, elas ficam presas ao pé. Normalmente, são entregues às convidadas quando a pista de dança começa a ficar animada.



Fonte: Google Images


Existem vários modelos e cores, mas os metalizados são os mais procurados para casamentos. Mas nada impede que você escolha um mix de cores. Conheça algumas empresas especializadas em sapatilhas para festa:

Rollasole (Reino Unido) - http://www.rollasole.com/usa1/

Rola Sola - http://www.rolasola.com.br/

Beaulacet - http://beaulacet.wordpress.com/

sábado, 17 de dezembro de 2011

Lingerie da noiva

A lingerie da noiva é peça super importante para compor o look, pois ela pode valorizar o decote, esconder gordurinhas e realçar o que a mulher tem de melhor. Ela só deve ser escolhida depois que o vestido estiver definido, para que esteja de acordo com o modelo.

Além disso, se o seu vestido for de tecido muito fino e justo, evite bordados e rendas não marcar. Neste caso, é bom optar pelos modelos cortados a laser e sem costura. E se o vestido for transparente use uma lingerie cor da pele, evitando assim que você aflita ou passe vergonha (elas podem ser feiosas, mas garantem conforto, segurança e evitam o mico).




Fonte: Google Images


As noivas também podem optar por usar modelos diferentes, um básico e confortável a cerimônia e festa, e uma trabalhada para a noite de núpcias. Vale lembrar que você deve se sentir bem, linda, segura e poderosa  com o que está vestindo.






Fonte: Google Images


A lingerie braca para a noite de núpcias não é regra, mas é o que a maioria das noivas gosta de usar. Se você quiser usar outra cor, não há nada que a impeça, desde que as peças tenham sido especialmente escolhidas e compradas para a ocasião!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Alerta – O que você não deve fazer no seu casamento

As noivas sempre ficam pensando que podem fazer tudo sozinhas, organizando, planejando e pensando que vão dar conta de montar todo o evento. Mas não, no meio do caminho vai bater o desespero! É muito comum pensar, tentando economizar alguns preciosos reais, em utilizar os amigos para prestação de serviços, tipo “minha amiga faz bolos ótimos” ou “fulana fotografa tão bem”...isso pode trazer problemas, cuidado! Confira todas as dicas:

1. Organizar sozinha o casamento
Para organizar, preparar e coordenar o dia mais importante da sua vida, com o estilo que você desejar, contrate profissionais qualificados e adequados ao seu perfil, cujo preço cobrado caiba no seu bolso. Lembre-se que você não pode deixar de ter um assessor ou um cerimonial ao seu lado, ele resolverá todos os problemas de última hora e proporcionará tranqüilidade e segurança para que os noivos aproveitem essa data inesquecível.

2. Chamar um amigo para prestar algum serviço ao invés de contratar um profissional

Sempre existe um amigo que fotografa legal, uma amiga que faz bolos gostosos, um tio que tem um automóvel bonito. Cuidado, pois sem perceber você impõe a essas pessoas uma responsabilidade pesada e pode deixá-las aflitas, podendo causar um desempenho frustrante e quem perde são os noivos. Os resultados podem ser fotos desfocadas, bolos com aparência esquisita (e amigas exaustas), atrasos e confusões com horários e locais devido à inexperiência, entre outras complicações que poderiam ser evitadas. Por isso, tome muito cuidado se for convidar algum amigo ou parente para prestar serviços em seu casamento.

3. Contratar serviços e profissionais sem um planejamento prévio adequado ao seu orçamento
Um planejamento prévio de quanto se pretende, ou melhor, se pode gastar com o casamento, é muito importante para que vocês possam iniciar uma etapa nova na vida com tranquilidade e sem dívidas. O seu assessor ou cerimonial pode lhe ajudar a montar essa previsão de gastos.

4. Escolher o local para a cerimônia ou para a recepção sem levar em conta o número de convidados
Igrejas e salões grandes ou pequenos demais podem ser frustrantes. No primeiro caso, os noivos vão ver os espaços vazios e no segundo caso, os convidados ficarão apertados e de pé.Tente fazer uma lista com o número aproximado de convidados, isso  facilita na hora de escolher os locais para cerimônia e festa. Não se esqueça de checar a capacidade da igreja e do salão. Além disso, você evita constrangimentos, como ter que solicitar aos garçons que montem mais mesas.

Fonte: Google Images


5. Deixar de fazer confirmação de presença.
A confirmação de presença é imprescindível. Faltando aproximadamente vinte dias para o casamento vocês devem dividir a lista de convidados em duas partes: 1ª “temos certeza que vêm” 2ª “achamos que vêm”. Essa segunda lista tem que ser conferida por telefone e você pode solicitar ao cerimonial ou ao seu assessor para fazer isso. Essa conferência evitará surpresas desagradáveis e gastos desnecessários.

6. Determinar para os músicos/Dj’s os estilos de músicas que devem ou não devem ser tocados.
Apesar de vocês não gostarem desse ou daquele estilo de música, deixem o músico tocar um pouco de tudo, eles vão sentir o que está agradando mais, vendo a pista mais cheia. E o melhor é ver todo mundo animado.

7. Deixar de fazer lista de presentes
A lista de presentes é um conforto para os convidados, pois evita que as pessoas tenham dúvidas sobre o que dar e pode minimizar a incidência de presentes repetidos.  Quando a lista existe fica tudo mais tranquilo para o convidado e para os noivos, facilitando inclusive as futuras trocas.

8. Convidar um número de pessoas para a cerimônia religiosa e selecionar por algum motivo convidados para a recepção
Acho esta dica delicada. Pois às vezes, os noivos não têm condições de festejar com todos, mas gostariam que todos os parentes e amigos estivesse na cerimônia. Mas isto pode gerar constrangimentos, ainda que os convidados para a festa sejam discretos, pois quem não foi convidado para a recepção pode se sentir desprestigiado, decepcionado e menos querido pelos noivos.

9. Chamar para o cortejo damas e pajens muito novos
As crianças são imprevisíveis, podem entrar graciosas, mas podem dar birra e não entrar ou voltar na metade do caminho, podem chorar, fazer caretas e correr. Vale à pena escolher crianças maiores, mas se os noivos fizerem questão, peça aos pais para ficarem com elas até o momento da entrada e não dêem a responsabilidade das alianças para elas.

10. Decidir casar com um tempo de preparação muito curto
Marcar um casamento relâmpago não é bom, porque não há tempo suficiente para que os noivos organizem tudo sem enlouquecer. Além disso, há o risco de não encontrar salão de festas e todos os outros fornecedores com datas disponíveis.  O tempo adequado é entre 10 e 12 meses antes. Assim os noivos podem pesquisar, escolher opções mais econômicas e decidir tudo com calma.

Com informações do site da noiva

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

O casamento civil


O casamento é envolto de burocracias, papeladas, taxas e contratos que vão do casamento civil até a festa. E para ser considerada casada perante a lei é preciso ter isto registrado em cartório. Mas como proceder?
Você pode se casar no próprio cartório, antes ou depois da cerimônia religiosa, ou fazer tudo junto, o que é bem comum e mais prático! Para os solteiros os documentos necessários para realizar o casamento civil são RG e certidão de nascimento, ambos originais, verifique também quanto custam as taxas cobradas pelo cartório.

Se optar por casar no cartório os noivos vão precisar de duas testemunhas, maiores de 18 anos, para dar entrada ao processo, precisam ser parentes, exceto os pais e avós, portando RG original. Elas servirão para atestar que os noivos não têm qualquer impedimento para casar. No dia do casamento também é necessário levar duas testemunhas, chamadas de padrinhos, que vão presenciar a realização do casamento. Se o casamento for realizado em diligência (fora do cartório, por algum motivo que impeça os noivos de comparecerem) são necessários quatro padrinhos.

Fonte: Google Images


Quando o casamento civil é realizado no cartório a celebração é feita na sala de audiência, de forma pública, a portas abertas e com a presença do Juiz de Casamentos, o Escrevente Autorizado, os noivos e duas ou mais testemunhas (padrinhos). Após ouvir dos próprios noivos a confirmação de que persistem na proposta de se casarem por livre e espontânea vontade, o Juiz declara efetuado o casamento civil. Em seguida, após a assinatura dos termos, os noivos recebem das mãos do juiz a Certidão de Casamento.

Já o casamento religioso com efeito civil é celebrado pela autoridade religiosa (padre, pastor, rabino, etc) e como no cartório, deve ser realizado de forma pública e a portas abertas.  Mas após a realização os noivos não recebem a certidão de casamento, mas um termo de casamento, que deve ser levado ao cartório em até 90 dias após a cerimônia para oficializar a união. Caso isso não aconteça, os noivos permanecem solteiros.

Vale ressaltar que para realizar o casamento civil junto ao religioso também é preciso dar entrada ao processo junto ao cartório, com a presença duas testemunhas. Após 30 dias, se não houver nenhum impedimento legal, o cartório emitirá uma certidão de habilitação que deve ser entregue à autoridade religiosa antes da cerimônia (verifique qual é o procedimento no local aonde você irá se casar).

Em ambos os casos, os noivos devem comparecer ao cartório para dar entrada ao processo com antecedência mínima de 30 dias da data pretendida.

Quer acrescentar o nome do marido?

A mulher pode adotar o sobrenome do marido ou continuar com o mesmo nome de solteira, fica à sua escolha e o mesmo vale do marido em relação à mulher. As regras para suprimir nomes intermediários e/ou sobrenome dependem de análise e aprovação do Promotor Público no processo de habilitação para o casamento.

Regimes de divisão de bens

Comunhão Parcial de Bens
É o regime de bens usual, conforme a lei. Neste caso, todos os bens adquiridos após a data do casamento serão comuns ao casal.  E todos os bens adquiridos por cada um, individualmente, antes do casamento permanecem de propriedade individual, inclusive bens cuja aquisição tiver por título uma causa anterior, como por exemplo, uma herança.

Comunhão Universal de Bens
Todos os bens atuais e futuros do casala serão pertencerão aos dois. Para dar entrada ao processo de casamento civil com este regime, é necessário que o casal compareça a um Tabelionato de Notas e faça uma Escritura de Pacto Ante-nupcial.

Separação Total de Bens
Ao optar por este regime todos os bens atuais e futuros dos cônjuges permanecerão sempre de propriedade individual. Para dar entrada ao processo de habilitação de casamento civil com este regime, é necessário que o casal compareça a um Tabelionato de Notas e faça uma Escritura de Pacto Ante-nupcial.

Importante:
- O regime de bens pode ser modificado após o casamento, mediante alvará judicial e concordando ambos os cônjuges.

- É obrigatório o regime de Separação Total de Bens aos noivos maiores de 70 anos e aos menores de 16.


Com informações do site Casamento Civil

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Cerimonial é realmente importante?

Os gastos com os casamentos são altíssimos e vão desde a igreja, cartório e suas taxas até a festa e seus mínimos detalhes. E aí surge uma grande questão no meio de tudo isso, você nunca organizou nada! E aí começa a se desesperar com tantas negociações e valores e se pergunta: “será que não tem alguém que possa fazer isso por mim”? A resposta é sim!

O papel do cerimonial é traçar um projeto do evento junto com os noivos, conhecer as expectativas, saber quanto dinheiro há disponível para investimento, executar os protocolos adequados a cada tipo de cerimônia/evento na hora certa, pesquisar e ligar para os fornecedores para fechar os contratos, negociar pagamento, fazer o check list dos fornecedores no dia do evento, confirmar os horários e se tudo está sendo entregue e montado conforme o contratado. Além disso, caso você tenha optado pelo R.S.V.P, o cerimonial pode receber as ligações dos convidados confirmando a presença no evento.

Fonte: Google Images


O cerimonial é muito importante para fazer toda essa parte de organização, os bastidores do casamento, deixando os noivos e as famílias mais tranquilos, principalmente no grande dia. Para evitar que os noivos fiquem estressados as cerimonialistas tomam conta de todo o evento, contornando imprevistos, atendendo as possíveis demandas de última hora dos fornecedores, sem que seja preciso a intervenção dos recém-casados!

Porém há um grande complicador para a maioria dos casais... é um serviço caro, justamente pela responsabilidade e pelo volume de trabalho realizado por estas empresas. Mas é preciso avaliar o que vale mais, ter um casamento bem organizado e realizar seu sonho ou correr o risco de ter uma decepção?

Eu já garanti meu serviço de cerimonial com uma querida amiga, Monique Barreto, que me ajudará com toda a organização, fornecedores e todos os detalhes para que tudo saia perfeito!

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Os cabelos são a moldura do rosto

O penteado da noiva completa o look do grande dia e mesmo as noivas que têm cabelos curtos podem investir neles, pois há opções para todas! Lembre-se que para conseguir um efeito bonito, os cabelos devem estar devidamente tratados e tingidos (quando for o caso).

Penteado para cabelos curtos
Fonte: Google Images


Os acessórios utilizados devem combinar com o estilo do penteado e com o vestido, evitando que o visual fique carregado. Véu e grinalda são os mais tradicionais, mas você pode optar por presilhas, tiaras, flores, chapéus ou pontos de luz.



Exemplos de penteados com véu e grinalda e diferentes acessórios
Fonte: Google Images

Assim como a maquiagem, o penteado deve ser testado com antecedência, tente marcar os dois testes para a mesma data e procure fazer tudo no mesmo salão para facilitar sua vida no grande dia.

Opte por um penteado que combine com seu estilo e realce seus traços. Fique atenta ao formato do seu rosto na hora da escolha. Noivas que têm o rosto quadrado devem optar por penteados que deixem o cabelo semi-solto, já as que têm o rosto oval podem escolher qualquer tipo de penteado. As noivas de rosto redondo devem evitar os cachos e prender todo o cabelo.

Penteado para noivas de rosto oval
Fonte: Google Images

 
Exemplo de penteado com o cabelo todo preso
Fonte: Google Images


Exemplo para noivas que têm rosto quadrado, esse também 
vale para as noivas com rosto redondo
Fonte: Google Images

Cerimônias tradicionais pedem penteados tradicionais, nesses casos, evite usar o cabelo totalmente solto. Casamentos ao ar livre combinam com penteados menos formais e despojados.

Penteado para cerimônia tradicional
Fonte: Google Images



Penteados para cerimônias ao ar livre ou menos formais, feitas fora da igreja ou templos religiosos
Fonte: Google Images

O mais importante é que o penteado combine com você e que você se sinta linda!

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Beleza realçada

A maquiagem da noiva tem como função deixá-la mais bonita e realçar seus traços, deixando o rosto harmonioso. Assim como o make do dia a dia deve corrigir e disfarçar olheiras, marcas de expressão, manchas, espinhas e pequenas cicatrizes.

Lembre-se que a maquiagem deve ser adequada ao horário da cerimônia. Para casamentos pela manhã ela deve ser mais natural e suave, feita com cores claras, o mesmo vale para casamentos no final da tarde, podendo colocar pontos de cores mais fortes e pouco brilho. Já à noite as cores podem ser mais escuras e o brilho marca presença, mas tenha cuidado para não exagerar!


Fonte: Google Images

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images

O batom deve estar em harmonia com a sombra utilizada, pois olhos muito marcados pedem batons claros e vice-versa. Vale lembrar que não se deve combinar a cor do batom e da sombra com o buquê, mas é preciso que elas estejam em sintonia.

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images


Sobrancelha bem feita e delineada e cílios longos compõem o visual. As noivas que quiserem realçar o olhar ou tiverem cílios pequenos podem se valer de cílios postiços para compor o look.

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images


Confira mais dicas para uma maquiagem de noiva impecável:

- Peça indicações de maquiador para as amigas e conhecidas, caso ainda não tenha um de sua confiança;

- Marque um teste, com antecedência com o maquiador;

- Durante o teste converse bastante com o profissional e diga claramente os resultados que você espera, é muito importante também dizer quais cores ficam melhor em você e quais você não gosta;

- Se tiver imagens de referência leve-as no dia do teste;

-Verifique se os produtos utilizados pelo maquiador são de qualidade e à prova d’água, além disso, peça para ele utilizar fixador, isso evitará que a maquiagem borre;

- Peça alguém para tirar uma foto quando a maquiagem estiver pronta, assim você pode verificar se o resultado é realmente satisfatório;

- Deixe um nécessaire com a cerimonialista ou uma das madrinhas, com os produtos utilizados, caso seja preciso retocar a maquiagem.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Save the date é importante ou é modismo?

Particularmente acho o save the date (que em português significa “reserve essa data”) um modismo e também dispensável, apesar de muito bonitinho. Ele serve para avisar aos convidados qual será a data do casamento, enquanto os convites são preparados, evitando assim que marquem outros compromissos para o mesmo dia.

O save the date é uma forma diferente e descontraída de informar a todos qual será a data do casamento, para quem mora em lugares distantes ajuda bastante, pois assim a pessoa pode se preparar com antecedência. Ele pode ser feito em diversos formatos, que tenham relação com a história do casal, e pode também ser mais informal. Além disso, não é necessário que ele tenha relação com a identidade visual do casamento, nem ser parecido com o convite oficial.





Fonte: Google Images
OBS: Tirei os nomes para preservar a identidade das pessoas


Quem está indecisa se o mimo cabe no orçamento pode ficar tranquila, pois você mesma pode produzir, basta ter um pouquinho de habilidade com photoshop ou corel draw. Se não for chegada a programas gráficos, existem versões gratuitas na internet. E não é necessário enviá-lo impresso para os convidados, você pode pegar os e-mails e mandar a versão online do save the date.

Informações básicas:

- O save the date deve conter a data do casamento, nome dos noivos, local (cidade e estado);
- Deve ser enviado de quatro a nove meses antes do casamento;
- O save the date não substitui a entrega do convite formal.

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Convite de casamento - item indispensável!

"Com letras douradas num papel bonito, chorei de emoção quando acabei de ler..." já diziam Gian e Giovanni (breguice mode on), ok o sentido da música não é bem esse, mas serve para ilustrar a importância do convite. Sua função básica é contar aos convidados onde, quando e que horas acontecerá o casamento. Mas a criatividade pode dar a ele outras funções, como contar a história do casal.

Os mais tradicionais trazem os pais convidando, dizeres bíblicos ou frases românticas que façam parte da história do casal, nome dos noivos, dados da cerimônia, endereço dos pais ou dos noivos, como no exemplo abaixo:

Texto tradicional



Modelos tradicionais
*Apaguei os nomes dos noivos, pais e endereços para preservar as pessoas, apesar de ter encontrado os exemplos no Google.

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images


Quem gosta de convites criativos tem diversas opções, que podem contar a história do casal, trazer ilustrações, caricaturas, quadrinhos, cores diferenciadas e outros.

Modelos criativos

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images

Fonte: Google Images


Como sobrescritar convites?

Essa parte sempre gera dúvidas, pois atualmente muitas pessoas não são casadas formalmente, são divorciadas ou não têm características particulares. Seguem algumas dicas que podem ajudar na hora de sobrescritar os convites.

- Sta. Fulana de Tal - mulher solteira;

- Sr. e Sra.Fulano de Tal - marido e mulher;

- Sr. Fulano de Tal e Sra. - marido e mulher;

- Sr. e Sra. Fulano de Tal e Cicrano - marido, mulher e um dos filhos do casal;

- Sr. Beltrano e Sra. Fulana - casal casado ou não, com sobrenomes diferentes;

- Fulano de Tal
  Fulana de Tal  - forma utilizada para casal com sobrenomes diferentes ou para pessoas que moram na mesma casa - sejam irmãos ou amigos;

- Sr. Fulano de Tal e família - marido, sua esposa e filhos solteiros são convidados;

-  Sra. Fulana de Tal e família - para mulher que mora apenas com os filhos ou com os pais e os filhos, sendo ela a principal convidada, mas sendo todos da casa também convidados.

Espero que as dicas tenham ajudado. ;)

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Festejos pré-casório!

Já virou tradição as noivas e suas amigas, amigos e parentes se encontrarem para realizar o famoso chá de panela e suas variações mais "mudernas" como o chá bar e o chá churrasco, que na essência têm a mesma função, ajudar a noiva a montar sua cozinha.

O evento deve ser realizado com um mês ou dois antes do casamento para a noiva poder organizar tudo em sua nova casa! Os convitinhos podem ser feitos pelas amigas, com temas ligados à cozinha.

Fonte: Google images

A festa, geralmente, é organizada pelas amigas da noiva, desde os comes e bebes até a música. A decoração deve ser charmosa e de acordo com o gosto da noiva, mas nada muito elaborado. O cardápio deve ser prático, com canapés, sanduíches de metro, salgadinhos variados, docinhos e bebidinhas. Valem brincadeiras divertidas, danças engraçadas e o que mais a imaginação mandar (só tenha cuidado para não causar constrangimento, rs).

                                                                                          Fonte: Google images

As amigas devem preparar a lista de presentes de acordo com o número de convidados, pois cada um deve levar um item para compor a cozinha da noiva. Veja um exemplo de lista simples:

Açucareiro
Afiador de facas
Assadeiras
Avental
Bacias de plástico
Balança
Baldes de alumínio
Baldes de plástico
Bandejas
Batedor de ovos
Bicos de confeitar
Bule de café
Cabides
Cafeteira de vidro
Capa p/ máquina de lavar
Capacho
Carrinho de feira
Cesta p/ pão
Cestas de lixo (pia e chão)
Coador
Cobridores de alimento
Colheres de pau
Conchas (diversas)
Copos de medidas
Cortador de ovos
Cortador de queijo
Cescanso de panelas
Descaroçador de azeitonas
Descascador de legumes
Desentupidor de pia
Destrinchador de aves
Escada
Escorredor de arroz
Escorredor de louça
Escorredor de macarrão
Escova para migalhas
Escova para pia
Espagueteira
Espanador
Espátula / faca para queijo
Espremedor de alho
Espremedor de batatas
Faca de pão
Forma de pizza
Formas para bolos
Formas para microondas
Formas para tortas
Forro p/ tábua de passar
Frigideira
Funil
Garrafa plástica e térmica
Jarra p/ água e sucos
Jogo de facas
Jogo de pirex
Lava-copos
Leiteira
Luva térmica
Pá de lixo
Paliteiro
Panos de prato
Pegador de gelo
Pegador de panelas
Peneiras
Pilão de temperos
Pincel de cozinha
Plásticos p/ freezer
Porta condimentos
Potes (diversos)
Prendedor de roupas
Quebra-nozes
Ralador
Relógio de cozinha
Rodo
Rodo de pia
Rolo de macarrão
Saleiro
Suporte para lixo
Suporte para papel toalha
Tábua de carne
Talheres para salada
Tesoura para cozinha
Utensílios de silicone
Vassouras

As organizadoras podem optar por determinar no convite o que cada convidado deve levar ou colocar o nome da loja onde a lista foi feita.

Chá de lingerie

Encontrinho exclusivamente feminino! A noiva deve fazer uma lista com as peças (conjuntos, calcinhas e soutiens avulsos, pijamas, baby dooll, camisolas e outros itens, não esqueça de colocar as cores de sua preferência. Não coloque peças sofisticadas e caras.

                                                                                       Fonte: Google images


Os convites podem ser feitos pelas amigas, mas há muitas lojas de lingerie que fornecem. A decoração pode ser romântica, feita em tons de rosa, branco ou verde, ou quente, com tons de preto, vermelho ou dourado. Para os comes e bebes valem as dicas do chá de cozinha e se você quiser dar lembrancinhas, escolha itens relacionados ao tema como óleos aromáticos, dadinhos do amor, sabonetes e chocolates.

Coloque suas madrinhas e amigas a postos e mãos à obra!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Fotografia - não deixe de registrar seu casamento

Registrar esse momento único que é o casamento é extramente importante! Você poderá lembra-se deste dia quantas vezes quiser, basta pegar o álbum e reviver as emoções! Mas para ter este momento guardado para sempre é preciso ter cautela para escolher os profissionais que irão registrá-lo.

O primeiro passo é visitar vários fotógrafos, conhecer seus portifólios e o estilo de fotografia que produzem. Lembre-se que esses profissionais têm a agenda cheia e por isso você precisa decidir rápido. Use a internet para verificar se existem reclamações sobre aquele profissional e conte com a ajuda de amigos que já casaram para te dar indicações. Avalie também o preço cobrado pelo profissional, às vezes aquele que cobra um fortuna não fará um trabalho tão bom quanto o que cobra um preço justo.

O estilo de fotografia pode variar entre o tradicional, com fotos posadas e momentos mais importantes ou fotojornalismo que registra detalhes, movimento, reações espontâneas. Se quiser, você pode pedir ao profissional para misturar os dois estilos.

Foto tradicional:

Fonte: Google Images

Fotojornalismo:

Fonte: Google Images

Se a grana estiver curta você pode pedir aos amigos para fotografarem a cerimônia e a recepção, é um risco, mas pode render boas fotos.

Após decidir quem será o profissional que irá fotografar seu casamento, peça a ele que providencie o contrato de prestação de serviços e fique atenta às cláusulas. Peça para levar o contrato para casa, para ter tempo de lê-lo com calma. Se puder, peça a um advogado para analisar, porque é melhor prevenir do que remediar.

É fundamental que o contrato contenha a data do casamento, número de horas que o fotógrafo e sua equipe irão trabalhar, custo das horas extras, valor total do serviço, política de cancelamento do serviço e se haverá taxa rescisória, tipo e quantidade de fotografias e tipo de álbum. O contrato também deve mencionar direitos de uso das imagens.

Filmagem

Os fotógrafos costumam ter uma equipe que filma o casamento e oferecem pacotes aos noivos. Avalie se vale à pena e atente-se para os mesmos detalhes de contrato que para o serviço de fotografia, peça para adicionar quantos minutos terá a gravação, se o material será entregue em DVD e quantas cópias vocês receberão. 


Tipos de ensaios fotográficos

E-session  
Fonte: Google Images

O termo é uma abreviatura de engagement session (em inglês) que significa sessão de fotos do noivado. Geralmente é um ensaio fotográfico descontraído, que é feito antes do casamento. Os noivos escolhem o local, que deve ter relação com a história do casal e agendam com o fotógrafo. Vale à pena levar itens que fazem parte da vida do casal, como presentes que marcaram

Foto divertida 
Fonte: Google Images

 Esse tipo de fotografia pode ser feita pela mesma equipe que cobrirá seu casamento/recepção. Porém, tudo é acordado antes. A ideia é registrar a alegria e descontração dos noivos e convidados. Para render boas fotos e risadas deixe disponíveis perucas, bigodes, chapéus e uma lousa com giz (para recadinhos).

Trash the dress 

Fonte: Google Images


 Para este tipo de ensaio é preciso desapego do vestido de noiva, pois você vai usá-lo sem dó nem piedade para subir em árvores, nadar, sentar-se em pedras e outros. A ideia é detonar o vestido. O local escolhido deve ser ao ar livre.

Já escolheu qual vai ser o estilo do seu ensaio fotográfico?

sábado, 5 de novembro de 2011

O bouquet certo para você

Depois do vestido, o item mais importante do check list da cerimônia, para a noiva, é o bouquet! Cada noiva combina com um tipo de bouquet e esta escolhe depende de tudo. Ele precisa estar em harmonia com o vestido, com o tipo de corpo e altura da noiva e principalmente, com o estilo.  A cor também é fundamental, as mais utilizadas são o branco, tons de laranja, lavanda, rosa e vermelho.

O costume da noiva levar um bouquet começou na Grécia Antiga. Nesta época os bouquets eram feitas com ramos de ervas e alho, pois segundo os gregos atraia bons fluidos e afastava o mau-olhado, garantindo uma união duradoura. Já em Roma era comum a noiva levar um bouquet somente de ervas, que significava fidelidade e fertilidade. A tradição na Polônia é bem fofa, rsrs...no século XVII o bouquet era salpicado com açúcar, para adoçar o temperamento das noivas!

Recentemente, as ervas foram substituídas por flores e os bouquets passaram a ter diferentes formatos, cores e efeitos, de acordo com o estilo do vestido e personalidade da noiva. 

Tipos de bouquet

Braçada

Este modelo de bouquet de noiva é composto por um maço de flores que deve ser apoiado nos braços da noiva. O ideal é que seja usado por mulheres altas, cujo vestido seja mais simples e sem tantos detalhes. Normalmente o bouquet de noiva braçada é feito de tulipas, copo de leite ou lírios. Se for de rosas, o caule deve ser revestido com uma fita. Noivas que estão acima do peso podem encontrar neste modelo uma boa saída para disfarçar a barriguinha.

Cascata


É um bouquet de formato triangular, imitando a caída da água nas cascatas. Também conhecido por cacho de uva, o buquê no formato cascata tem em média 45 cm de tamanho. Tem flores no topo com algumas flores e folhagens se "esparramando", dando um visual natural. Não é indicado para noivas baixinhas, mas pode ser usado tanto pelas magras como pelas que estão acima do peso.

Redondo


É um bouquet de noiva romântico e o mais pedido entre as noivas. Pode ser usado em cerimônias de casamento à noite, de dia, no campo e também nas mais formais. O bouquet redondo possui cerca de 30 a 40cm, tem menos partes verdes (folhas e caules) e mais flores. Este tipo de bouquet não é indicado para noivas que estão acima do peso, principalmente os modelos mais robustos.

Dicas para escolher o bouquet

1 - Nunca se usa a mesma flor do bouquet na decoração do casamento.

2 - Depois de decidir qual o modelo do bouquet e escolher as flores, é necessário pensar no lado prático e no conforto. A maioria dos floristas aconselham a cobrir o caule com um tecido agradável ao toque e fácil de segurar. Pode ser o mesmo tecido do vestido de noiva, cetim ou gorgorão.

3 -  Verifique a antecedência com que o bouquet é entregue. De preferência duas horas antes da cerimônia. Assim, as flores mantêm-se frescas. 

4 - Se o bouquet for entregue na véspera, não se esqueça de colocar em água e, quando o tirar, limpar o caule.

5 - É aconselhável que a noiva receba o bouquet, pois saberá exatamente se corresponde ao que foi encomendado. Desta forma, evita que as flores entregues sejam diferentes das flores escolhidas.

6 - Se quiser dar um toque de sofisticação escolha a mesma flor bouquet para adornar a lapela do seu noivo. 


Com informações do site casamento click / imagens da internet